Animais

Assine o boletim informativo sobre border collies

Pin
Send
Share
Send
Send


O Border Collie é um cão muito especial que se destaca por ter um olhar muito profundo e por sua obediência. Além disso, l>

Com todas essas qualidades, espera-se que, se tivermos um filhote de cachorro Border Collie em casa, possamos educar um cão que irá encantar toda a família. Porém, É uma corrida que precisa de estímulo constante para evitar ficar entediada, algo que levaria a mau comportamento.

Não perca a paciência e lembre-se de que os cães também são indivíduos únicos que precisam de tempo para adquirir todas as regras e diretrizes que você propõe. Mas você está com sorte, porque leva mais ou menos para concluir seu treinamento, os Border Collies adoram aprender.

Quando começar a treinar meu cachorro

O ideal é começar o treinamento a partir dos 3 meses de idade, quando pode ser separado da mãe. Se você deixar seus pais com antecedência, é normal mostrar dificuldades em aprender e socializar.

Mas se o filhote nasceu em sua casa, você pode educá-lo desde o nascimento para conhecer as regras da casa, mesmo que você ainda não possa ensinar a ele nenhum exercício de obediência. Também Você precisa aprender a reconhecer o nome dele desde muito jovem.

Eles precisam de uma rotina rigorosa

Tente planejar seus horários para que eles correspondam aos de seu animal de estimação, e você pode seguir uma rotina clara que beneficia os dois. Porque todos os cães, incluindo o border collie, Eles precisam ter um cronograma o mais fixo possível, que lhes dê estabilidade. Aproveite os momentos de caminhada para, além de brincar, reveja as diretrizes básicas de treinamento, como sentar, sentar ou deitar.

Faça-me prestar atenção

Ordens básicas de obediência são relativamente fáceis de ensinar, desde que estejamos em lugares calmos que não sejam uma distração para o seu cão. Não tente ensinar nada ao seu border collie se você não conseguiu chamar a atenção deles antes, porque estará perdendo seu tempo. Sempre escolha um bom momento para treiná-lo, para garantir que ele seja exposto ao menor número possível de distrações.

Use reforço positivo

Quando você usa reforço positivo, Seu cão aprende a pensar em vez de obedecer por medo de ser punido. Você pode recompensar o bom comportamento deles com guloseimas, jogos ou apenas elogios.

Escolha a hora certa, ou seja, sempre imediatamente após a ação que você deseja recompensar, porque se houver um período importante, é possível que seu border collie não associe o prêmio à ação que você acabou de executar.

© HOLA! É proibida a reprodução total ou parcial deste relatório e de suas fotografias, mesmo citando sua origem.

6 dicas importantes para treinar seu Border Collie

Quando a maioria das pessoas pensa em um "Border Collie", pensa em Lassie. A razão pela qual Lassie era tão popular foi porque ele era um Collie muito obediente. A pergunta que todos os proprietários de border collie se perguntam é "como posso fazer meu border collie me ouvir?" Para responder a essa pergunta, apresentamos as 6 dicas com as quais você certamente fará com que seu border collie ouça cada um de seus pedidos.

1 - Estímulo mental

Border Collies são uma raça muito inteligente e, como tal, precisam de estímulo mental consistente. E com isso, não quero apenas dizer que você lhes dá um brinquedo para mastigar e ele permanece tão calmo em seu lugar. Quero dizer, você precisa levá-los para passear, ensinar truques, dar desafios mentais e gastar tempo. Se você deixar um Border Collie, encontrará apenas maneiras de estimular sua mente à sua maneira e, quando voltar para casa, poderá encontrá-lo destruído ou encontrar um jardim dizimado.

2 - Agende uma rotina

Você pode pensar que isso é estranho, mas todos os cães e border collies não são exceção, precisam de um horário consistente. Como diz o ditado, somos animais da alfândega, se você não seguir um cronograma estável, seu Border Collie notará. Portanto, certifique-se de planejar um horário para ele que se adapte ao seu.

Alguns proprietários de Border Collie levam seu parceiro para passear de manhã, deixam sua família ou amigos brincar com ele e observá-lo enquanto eles estão no trabalho e quando o proprietário chega em casa, ele assume o controle. Nesse momento, o proprietário lida novamente com seu border collie brincando com ele.

Freqüentemente, a "brincadeira" inclui um cabo de guerra, procurando algo ou apenas passeando pela cidade. Certifique-se de incluir o tempo necessário para treinar comandos básicos, como sentar, ficar quieto, quieto e deitado. Mantenha uma rotina consistente e você verá uma boa mudança no seu BC.

3 - Chame toda a sua atenção

Você precisa ter toda a atenção do seu cão, se quiser que ele aprenda alguma coisa. Da mesma maneira que você não pode esperar que uma turma cheia de crianças que não estão ouvindo o professor aprenda alguma coisa, não pode esperar que seu border collie aprenda o que está tentando ensinar sem primeiro chamar a atenção deles.

Escolha a hora e o local com o mínimo de distrações possíveis antes de começar a treinar seu cão e elimine o máximo de distrações possível do seu campo de trabalho.

4 - Seja consistente

Se você quiser deixar as coisas o mais claras possível para o seu Border Collie durante o treinamento, seja sempre consistente. Não altere os nomes dos pedidos; por exemplo, comece com "sit" e termine com "sit", escolha apenas um e sempre use-o. Se você está tentando ensinar seu cão a ficar longe dos sofás, seja consistente. Não pode ser que em certos dias o cão não esteja no sofá e em outros dias, se puder. Esses tipos de inconsistências apenas atrasam o treinamento e confundem seu cão.

5 - Use reforço positivo

Os cães aprendem melhor através da estimulação, não da punição. Se você quiser recompensar o bom comportamento dele, pode fazê-lo com o uso de guloseimas, com jogos (bola, frisbee) ou simplesmente com alguns elogios. É a melhor maneira de mostrar ao seu Border Collie que ele está fazendo algo certo e também o motivar a fazer a mesma coisa "certa" novamente.

6 - Paciência, muita paciência (da sua parte)

A melhor coisa que você pode fazer pelo seu border collie, e também por si mesmo, é não ficar bravo ou frustrado.

Todo apêndice precisa de um número mínimo de repetições até que, tanto animais quanto humanos, possamos internalizar esse aprendizado.

Border Collies, como todos os cães, são como bebês para algumas coisas. Eles precisam de atenção e atenção constantes. Todo cão precisa de disciplina adequada, mas nenhum será rápido para disciplinar quando a simples atenção for suficiente.

Border Collies quer aprender. Eles amam estimulação mental. Se você está ansioso para treinar seu border collie, comece com estas seis dicas. Eles ajudarão seu border collie a crescer e amadurecer como um companheiro feliz e obediente.

Como você realiza o seu treinamento Border Collie? Você quer nos contar? Estamos felizes em ouvir você, escreva-nos para [email protected]

Se você gostou do que dissemos, compartilhe este artigo com outros fãs de Border Collie 😀

Estamos em contato

- Sara de border-collies.com

Você chegou ao fim! ¯ _ (⊙︿⊙) _ / ¯

© 2018 Borders-collies - Todos os direitos reservados

Qualidades que facilitam o treinamento de border collie

Para aprender mais sobre esta raça e suas características que facilitarão o treinamento, vamos revisar:

    Treinável. O border collie é muito teimoso no que faz; portanto, quando você deseja ensinar algo, ele não para até que ele consiga entendê-lo e executar o comando. Tem grande capacidade>

Três a seis meses

Nessa idade, você pode começar a socializá-lo para se acostumar a estar com outros cães e outras pessoas. Também você pode ensinar comandos básicos como sentar, ficar parado, levantar-se ou caminhar ao seu lado sem trela.

Este último passo é recomendado em casa ou em local fechado para evitar que o filhote escape.

Seis a doze meses

Aqui você pode controle seus latidos, peça a ele para lhe trazer algo ou rolar um objeto. Nesse ponto, o cachorro já terá entendido que você é o líder da matilha e que, portanto, ele deve lhe obedecer.

Esse fato, juntamente com sua inteligência e sua teimosia, permitirá que ele aprenda ordens cada vez mais rápido.

Dicas para o treinamento de border collie

Embora o border collie é caracterizado por seu poder de concentração, isso pode fazer você se sentir exausto. Assim, como no caso de outros cães, as sessões de treinamento devem ser curtas, entre 10 e 15 minutos.

O reforço positivo é essencial se queremos obter bons resultados com nosso cão, punições e gritos estão fora de lugar no tratamento de qualquer animal.

Lembre-se de que, embora existam características comuns que todas as cópias da raça possam apresentar, cada cão é um mundo e você deve adaptar o treinamento ao seu, conhecendo suas capacidades e limitações.

Se você demonstrar perseverança, paciência e carinho, conseguirá treinar Border Collie e desfrutar de um animal de estimação incrível.

Conhecê-los é o primeiro passo para educá-los

Embora possamos falar sobre diretrizes e critérios básicos para o treinamento de cães, é importante entender que cada cão é um indivíduo único. No momento da aprendizagem, cada animal exigirá seu próprio tempo e deve ter a dedicação e o conhecimento de seu tutor para absorver e reproduzir adequadamente os comandos propostos. Por ele, conheça seu cachorro É um passo fundamental para saber como educá-lo.

O border collie é um cão de tamanho médio, corpo alongado e atlético, pernas fortes, largas e bem musculadas. Sua textura física permite atingir altas velocidades ao correr e registrar alturas notáveis ​​em seus saltos. É por isso que esta raça é muito bem-sucedida em competições esportivas e obtém desempenhos imbatíveis nas competições. agilidade.

É um cão de trabalho real, com predisposição ideal para funções de pastoreio. Su personagem é naturalmente Ativo, focado e obediente. No campo, ele passa a maior parte do dia observando ovelhas ou gado e cuidando de seu território. Isso permite que você gaste muita energia e mantenha um comportamento equilibrado. Na vida doméstica, você precisa se exercitar constantemente Para se manter saudável, ativo e feliz. Caso contrário, você pode mostrar sintomas de estresse e tédio com muita facilidade.

Preparando-se para treinar um border collie

Treinar um cão tão inteligente e ativo quanto um border collie exige mais do que boa vontade. Antes de começar a educar o seu pêlo, você precisará iniciar o treinamento do cão para conhecer suas diretrizes, métodos e princípios básicos. Além disso, para facilitar o aprendizado do seu melhor amigo e otimizar seu tempo, recomendamos que você conheça os “5 truques de treinamento que todo proprietário deve conhecer”.

Depois de se colocar bem no contexto da educação de cães, também será importante criar sua própria equipamento de treino com os seguintes itens básicos:

  • Colar / arnês
  • Cinto regulador
  • Cinto longo
  • Fanny pack
  • Prêmios ou lanches.
  • Brinquedos.
  • Clicker (opcional).

Obviamente, devemos esclarecer que o clicker não é considerado um item indispensável para o treinamento de cães. No entanto, se você aprender a usá-lo corretamente, verá que geralmente facilita o trabalho do instrutor. Se você nunca usou o clicker para ensinar seu peludo, leia nossas dicas no artigo "Clicker para cães - tudo o que você precisa saber sobre ele".

Treinamento de Border Collie por idade

O treinamento e o treinamento físico de todos os cães devem estar sujeitos à sua idade, estado de saúde e força física. Não podemos começar a educar um filhote de cachorro com base em tarefas ou comandos complexos. Assim como as crianças, filhotes devem aprender progressivamente, começando com os conceitos básicos de obediência que serão a base de seu aprendizado. Gradualmente, você pode aumentar a dificuldade das tarefas propostas e, certamente, ficará surpreso com a rapidez com que seu border collie memorizará cada pedido.

Independentemente de quando você começar a treinar um border collie, lembre-se de usar o reforço positivo Para estimular o aprendizado deles. Diferentemente do método tradicional, a educação positiva rejeita qualquer tipo de abuso físico ou emocional, como punição ou repreensão. Em vez de punir a má conduta, que é prejudicial à saúde mental e ao aprendizado do animal, o reforço positivo investe no reconhecimento de comportamentos apropriados para estimular a capacidade cognitiva, social e emocional do cão.

Treinar um filhote de cachorro border collie

Idealmente, comece a treinar seu border collie a partir dos 3 meses de idade, quando podemos separá-lo de sua mãe, respeitando seu período de desmame. Um homem peludo que é separado dos pais antes do tempo apropriado geralmente demonstra dificuldades de aprendizado e socialização. Se você deseja incentivar as habilidades físicas, emocionais e cognitivas do seu border collie desde as primeiras semanas de vida, recomendamos o uso de manobras de estimulação precoce.

Mas se os filhotes nasceram em sua casa, você precisará educá-los desde o nascimento. Embora você ainda não possa ensiná-los exercícios básicos de obediência, você deve passar as regras de sua casa. Por exemplo: filhotes não devem ficar no sofá ou dormir na nossa cama. Lembre-se de que, se não alimentarmos comportamentos indesejados em filhotes, não precisaremos corrigi-los em cães adultos. Também é importante aprender a reconhecer o nome dele.

Lembre-se de que os filhotes devem realizar atividades moderadas e exercícios de baixo impacto, que incluem uma alta dose de entretenimento. O jogo funciona como um elemento lúdico na educação dos cães, e é ao brincar que estimulamos a curiosidade e a capacidade física e cognitiva de nossos melhores amigos.

Estágios de treinamento de um filhote de border collie

Para que saibas como treinar seu filhote de cachorro border collie, abaixo, mostramos a divisão de estágio mais apropriada:

  • 3 a 6 meses: Começamos a ensinar os comandos básicos da obediência canina, como sentar, vir, deitar-se, ficar parado, levantar-se, caminhar ao seu lado e não puxar a trela. A ideia é propor ordens simples e unitárias, que não levam à execução de várias tarefas para obter sucesso. Exagerar a complexidade dos exercícios, durante esse estágio, pode confundir o filhote e gerar um sentimento de frustração, o que prejudicará seu aprendizado. Também é aconselhável ensinar seu filhote de cachorro border collie a fazer suas necessidades na rua, bem como não negligencie sua socialização então você aprende a interagir com outros animais, pessoas e meio ambiente. Mais tarde, falaremos sobre a importância deste ponto.
  • 6 a 12 meses: Depois que seu filhote aprender os comandos básicos, você poderá incluir novos comandos. No momento, recomendamos ensinar como trazer objetos, "conversar" e "calar a boca". Essas últimas ordens são fundamentais porque, sendo um excelente pastor de lata, o border collie pode se tornar um ladrador constante. Portanto, as ordens para "falar" e "calar a boca" guiam você a latir apenas nos momentos apropriados. Além disso, você pode incluir outros truques que desejar, como "rolar" ou "chutar", sempre respeitando os horários de seu melhor amigo.

Treine um border collie adulto: a partir dos 12 meses

Bem-vindo ao maravilhoso mundo das mil possibilidades de um border collie! Depois de concluir a etapa básica da obediência, você pode desfrutar da inteligência e versatilidade do seu peludo por um período treinamento avançado. Iniciar em agilidade Será uma excelente decisão mantê-lo fisicamente e mentalmente estimulado durante a vida adulta. Por outro lado, o pesquisando É altamente recomendável estimular sua capacidade sensorial e cognitiva. Além disso, você pode ensinar truques divertidos, esportes caninos ou jogos de memorização.

Como o border collie demonstra muita facilidade de aprendizado e boa memória, sua mente deve ser constantemente estimulada, o que geralmente é um desafio para seus tutores. Portanto, recomendamos que você participe de um circuito de treinamento para obter a orientação de um profissional de treinamento avançado.

Treinamento de um border collie adulto adotado

Se você acabou de adotar um border collie adulto e não sabe como treiná-lo, a primeira coisa que você deve fazer é uma análise da situação. Dessa forma, tente conhecer o caráter do cachorro Você acabou de chegar em sua casa e descobre se apresenta sintomas de medo de abuso, trauma, fobia ou estereotipia. No caso de apresentar um problema comportamental, você deve tratá-lo antes de iniciar o período de estudos, pois, por exemplo, se você não trabalhar com seus medos, não poderá avançar em seu treinamento. Você deve me faça confiar em você e vejo você como algo positivo e, acima de tudo, seguro.

Depois que os pontos anteriores forem roteados, você poderá começar a trabalhar em sua socialização e praticar os pedidos básicos em casa. Consistência, paciência e reforço positivo são a chave para obter um border collie adulto adequadamente treinado. Dependendo dos medos ou traumas que o animal apresenta, não hesite em ir a um treinador de cães ou etólogo.

Socializar seu border collie é decisivo para o seu treinamento

A socialização é uma elemento chave para alcançar um cão obediente, bem educado e equilibrado. O processo de socialização ensinará seu cabeludo a interagir positivamente com as pessoas, com outros animais e até com seus brinquedos. O ideal é começar a socializar o border collie quando ele ainda é um filhote, a partir dos 6 meses de vida (ao completar seu primeiro ciclo de vacinação e desparasitação).

No caso específico do border collie, socialização e alta atividade física serão essenciais para orientar sua predisposição ao pastoreio. Embora seja verdade que, se não educarmos o filhote de cachorro border collie para pastorear, ele não apresentará nenhum instinto relacionado, é também que, no caso de ter adotado um adulto que tenha tido contato com esse tipo de trabalho, isso pode ser um inconveniente. se não aprendermos a orientá-lo corretamente. Esse comportamento aprendido é tão acentuado nesta raça que, se não o educarmos, nosso peludo acabará pastando pequenos animais ou crianças nos parques e praças, o que é realmente perigoso. Nós devemos ensiná-lo a viver com crianças como parte de sua família e não como membro de uma matilha para ser pastoreado.

Agora, como dissemos, se o border collie nunca foi treinado para pastar, nem teve contato com gado ou ovelha, ele não precisa desempenhar essa função se o deixarmos, por exemplo, no meio de um rebanho de ovelhas . Embora ainda esteja sendo estudado, ainda não foi demonstrado que o pastoreio faz parte dos comportamentos instintivos de determinadas raças de cães; portanto, é mais provável que, se deixarmos um border collie não educado para ovelhas, não sabemos como agir. e acabei gravemente ferido.

Como dizemos, o border collie é uma verdadeira pilha de energia renovável. Seu corpo e sua mente precisam receber uma alta dose de estímulo para permanecer em perfeito equilíbrio. Um cão sedentário ou com excesso de tensão acumulado demonstrará problemas de concentração e dificuldades de aprendizado. Portanto, o treinamento do seu border collie deve incluir atividade física diária e treinamento cognitivo. Para isso, reafirmamos a idéia de iniciá-lo em um esporte canino e indicamos alguns jogos de inteligência que você pode praticar em sua própria casa, como o trilero ou o uso de brinquedos dispensadores de alimentos.

Esses cães se sentem mais confortáveis ​​quando vivem em grandes ambientes, onde podem correr livremente. Criar um border collie em um apartamento ou apartamento pequeno é muito difícil, pois na vida real é quase impossível atender às suas necessidades diárias de atividade física. Seria necessário 3 a 4 caminhadas, 40 a 60 minutos cada para proporcionar-lhes um gasto energético ideal.

Como você verá, o border collie é um cão que precisa ser acompanhado por um tutor ativo e paciente, com boa disponibilidade de tempo e espaço. Além disso, eles devem receber remédios preventivos adequados para permanecerem saudáveis, ativos e felizes. Portanto, lembre-se de levar seu border collie ao veterinário a cada 6 meses, respeite sua carta de vacinação e a desparasitação interna e externa e forneça os cuidados específicos que essa raça exige.

Dicas para treinar seu border collie

  1. O treinamento exige prova: Seu Border Collie precisará que você se comprometa e tenha paciência para assimilar as ordens, uma por uma. O treinamento é um processo constante e gradual, onde cada exercício deve ser adequadamente absorvido, memorizado e executado perfeitamente. Se você não tiver tempo suficiente para educar seu border collie, não hesite em consultar um treinador profissional.
  2. Saiba quando ensinar: Exercícios de obediência devem ser treinados diariamente, em seções curtas, contando com 10 ou 15 minutos de duração. Sobrecarregar o seu cabelo facilita a distração dele e é contraproducente para o aprendizado dele.
  3. Entenda como ensinar: Os exercícios devem ser treinados um a um para permitir uma compreensão abrangente e não confundir o animal. Em geral, cada exercício leva entre 3 e 10 dias para ser internalizado, absorvido, memorizado e totalmente executado. O tempo de assimilação depende de cada animal e da complexidade de cada tarefa.
  4. Escolha o local ideal: Pensar sobre onde ensinar é tão fundamental quanto saber como e quando ensinar. Nós devemos evite olugares barulhentos ou com excesso de estímulos, como aromas, música ou muitos cães, para não prejudicar a concentração do border collie.
  5. Aplique reforço positivo: O reforço positivo é o melhor método para estimular o aprendizado de nosso border collie. Em contraste, a violência física e emocional é contraproducente e perigosa. Lembre-se de oferecer um prêmio ao seu peludo por cada tarefa executada com sucesso, para reconhecer seu esforço e estimular sua capacidade cognitiva.
  6. Revise os comandos aprendidos: Cada comando ensinado deve ser revisado para reafirmar seu aprendizado e evitar o esquecimento. Recomendamos dedicar 1 ou 2 dias por semana para lembrar as tarefas já memorizadas.

Se você quiser ler mais artigos semelhantes a Como treinar um border collie?, recomendamos que você entre na seção de educação básica.

Pin
Send
Share
Send
Send